Thank you back

Thank you back


Ao longo da minha vida já tive, felizmente, o privilégio de conhecer várias pessoas excecionais.
Pessoas com experiências pessoais e histórias fantásticas. Vidas que davam filmes. Sagas até…

As que mais me impressionaram e me convenceram foram aquelas que abdicaram do conforto de uma vida fácil na prossecução de um sonho. De um ideal.

A mim dá-me particularmente pica conhecer pessoas desapegadas e gratas. Gratas pela vida. Gratas pelo que têm. Gratas pelo que não têm nem nunca tiveram. Gratas pelos sucessos e pelos insucessos. Gratas pela dor.

Gratas e humildes.

Por isso admiro quem, em vários pontos da sua vida, tem a coragem de tomar decisões arriscadas saindo por absoluto da sua ZONA DE CONFORTO.

No início de julho, passei 10 dias a cozinhar 14 horas seguidas refeições saudáveis para uma prestigiada companhia de dança contemporânea de Londres. Centenas de refeições.
Refeições saudáveis. Refeições vegetarianas. Refeições sem glúten. Refeições sem leite de vaca e seus derivados.

Não é apenas moda ou fetiche... Bailarinos de alta performance, toda a vida padecendo de asma, conseguem manter-se saudáveis e sem acessos graças a uma dieta isenta de alérgenos. Ao se aproximarem da dieta paleolítica conseguem diminuir a inflamação intestinal, regular o sistema imunológico e fazer uma correta absorção de nutrientes.

Desta forma, o sonho de continuar a dançar ao mais alto nível mantém-se vivo.

Durante estes dez dias, ao se aperceberem do carinho e dedicação na nossa forma de produzir a comida, fomos agraciados diariamente com comentários do género:
“You’re amazing, you guys”, “Thank you so much”, “So delicious this food”

 Podiam não dizer nada…

Afinal só estávamos a fazer o nosso trabalho.

Somos só os cozinheiros…

Sempre curiosos, vinham  fazer-nos perguntas e pedir receitas. Houve interação. Houve interesse.

Humildade, amizade, respeito, gratidão!

Well...


THANK YOU BACK GUYS!



Comentários

  1. Fico muito feliz por vocês! Um beijinho.

    ResponderEliminar
  2. Obrigada Ricardo, por te teres atravessado no meu caminho! Precisava de conviver mais tempo contigo e com a Silvie. Preciso de mais incentivos para ter uma Vida melhor. Estou a falhar muito!! Quando tiveres eventos diz-me alguma coisa. Obrigada mesmo! Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Obrigada Ricardo, por te teres atravessado no meu caminho! Precisava de conviver mais tempo contigo e com a Silvie. Preciso de mais incentivos para ter uma Vida melhor. Estou a falhar muito!! Quando tiveres eventos diz-me alguma coisa. Obrigada mesmo! Beijinho

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Downshifting

Laboratório de probióticos

Receitas fresquinhas de verão