Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2017

O efeito Jack

Imagem
O número de Avogadro: A comunidade cética chama-lhe pseudociência. Durante anos colei-me a esta fação e descartei por absoluto a possibilidade de um medicamento homeopático poder ter algum efeito real no tratamento de doenças [em bom rigor, no tratamento de uma pessoa com desequilíbrios no seu estado de saúde]. Afinal, toda a minha formação era de cariz científico. E a base do raciocínio científico é ver para crer! Mas, se não vemos Deus também, porque acreditamos Nele? A razão da minha incredibilidade na homeopatia justificava-se plenamente apenas pelo mero raciocínio com recurso à constante de Avogadro: - Os medicamentos homeopáticos são preparados por diluições [seguidas por agitações vigorosas] sucessivas. Preparada corretamente, devemos, para uma diluição centesimal, pegar num mililitro de solução e adicionar 99 mililitros de diluente (água, p.e.). Depois pegamos num mililitro da solução resultante e adicionamos novamente 99 de diluente. E assim sucess

O faquir moderno

Imagem
O faquir moderno Há uns anos largos atrás, recebi um presente de aniversário invulgar. A minha mulher decidiu oferecer-me um tapete de picos… Como vinha a queixar-me de dores de costas frequentes, após pesquisa extensa na internet, ela descobriu o referido tapete, que tinha a capacidade de aliviar as dores se se permanecesse pelo menos 10 minutos deitado nele, em decúbito dorsal. Experimentei-o meia dúzia de vezes e embora moderadamente aliviado das dores, com plena desconsideração pelo gesto amoroso e preocupado e até pelo próprio valor pecuniário, acabei por encostá-lo a um canto, esquecido. Até ao dia em que me comecei a interessar pela medicina tradicional chinesa… Após vários anos, cursos, cadeiras e pós-graduações em Shiatsu, acupuntura e MTC, atrevo-me agora a incluir tratamentos coadjuvantes, com base nos milenares conceitos da medicina tradicional chinesa, aos meus pacientes. Não só aos meus clientes mas também à minha família e, quando necessário, a mim

As feridas profundas

Imagem
As feridas profundas Olá a todos! Hoje estava a vestir a minha filhinha de 6 anos, para a levar à escola, e ela confidenciou-me que gostaria de ser médica. Ela adora tratar os irmãos, os pais, os avós e os amiguinhos. Não obstante a prematuridade da sua emergente vocação, nada me podia deixar mais feliz! Apenas acrescentei que, concomitantemente ao curso de medicina, deveria apreender também noções sólidas de medicina natural ou naturopatia. Na minha modesta opinião, tal como o Yin e o Yang, a ciência exata e a capacidade de SENTIR um paciente como um SER físico, emocional, social, espiritual e energético devem andar de mãos dadas. As duas vertentes devem ser complementares e interdependentes! É com enorme satisfação que assisto a um crescimento galopante do interesse, por parte da classe médica, nas áreas do entendimento holístico do SER. [ E atenção que os mais leigos tendem a confundir o conceito de holístico com esotérico! Para clarificar:   Holístic

Os meus tesourinhos perdidos no baú...

Imagem
Fui ao meu baú e encontrei isto: Os meus tesourinhos perdidos no baú... “Se deres um peixe a um homem faminto, vais alimentá-lo por um dia. Se o ensinares a pescar, vais alimentá-lo toda a vida”, Lao-Tsé Durante anos assumi que ter um restaurante e servir refeições saudáveis, 100% biológicas, era a forma ideal de ajudar a comunidade a melhorar o seu estado de saúde. Não podia estar mais errado! Se a comida era o mais saudável possível? Se as pessoas comiam a comida que confecionava, estava eu a ajudá-las? - Sim, estava! Mas isso não era o suficiente! Era preciso alertá-las! Alertá-las de quê? De que não há verdades insofismáveis! De que não existe a “alimentação saudável”! Existe, isso sim, UMA alimentação saudável para cada indivíduo! Ela está intrinsecamente relacionada com fatores genéticos, epigenéticos, culturais, sociais e emocionais! A alimentação, em instância última, deve ser o mais intuitiva possível! Além disso… De pouco adianta com

O meu TOP5 de pedras terapêuticas

Imagem
O meu TOP5 de pedras terapêuticas Olá a todos! Agora para descomprimir um pouco de temas pesados como cozinhar sem leite ou doenças autoimunes quero-vos dar a conhecer as minhas 5 pedras favoritas. É claro que gosto de todas as minhas pedras e, para cada situação em que me encontro, escolho intuitivamente aquela que melhor me vai servir para equilibrar energeticamente. Assim, pondo de parte a selenite e os cristais de rocha que me acompanham para onde vou, o meu TOP5 é (por ordem crescente): 5º lugar - Turmalina preta   Como terapeuta que lida com várias energias por dia, a turmalina funciona como um verdadeiro para-raios de radiações, energias negativas e bloqueios. “A turmalina preta liberta e protege o nosso corpo de influências e energias negativas, bem como da magia negra, porque é uma das pedras mais poderosas de proteção do nosso corpo e da nossa alma. Na meditação, propicia os desejos pessoais, a autoconsciência e metas de vida. É uma pedra que tr

Doenças autoimunes, uma perspectiva diferente...

Imagem
E se…? E se um problema autoimune não fosse realmente autoimune…? E se, na origem, o problema fosse simplesmente IMUNE…? É tão bom não ter de sair da zona de conforto… Quando não se sabe ao certo o que está na etiologia de um desarranjo invoca-se imediatamente os termos “virose” ou “autoimune”. Ouve-se estas palavras recorrentemente nas unidades de saúde familiar e nos corredores dos hospitais. Pois… Protocolos… Estão catalogados como autoimunes variados estados patológicos como a tiroidite de Hashimoto, a doença de Crohn, o Lúpus eritematoso sistémico, a Artrite reumatoide, a Espondilite anquilosante… Muitos mais poderiam ser inumerados… Desculpem o meu facciosismo mas vou deter-me, neste artigo, na Espondilite anquilosante (EA). Não obstante, genericamente, o que vou dizer aplica-se transversalmente a todas as patologias “autoimunes”. Se vasculharmos o site da PUBMED pesquisando por Espondilite Anquilosante (Ankylosing spondylitis), vamos encontrar 16.427 est

Ondas há muitas...

Imagem
Ondas há muitas... Início de outubro do ano passado. Estava eu muito sossegado em casa quando recebo um convite para assistir a uma conferência, com o patrocínio do Parque da Devesa, em Vila Nova de Famalicão, via Skype, de um senhor que era eletrosensível. À partida, embora tenha muita consideração pela preocupação crescente com a poluição eletromagnética, achei sinceramente que ia desperdiçar o meu tempo. Qual o meu espanto quando algumas coisas que estavam a ser ditas começaram a fazer ressonância… Se pensar bem, ao longo da última década comecei a sentir muitos mais acufenos. Por vezes sinto até uma reverberação semelhante a um motor de um frigorífico, quando me encontro em silêncio total e/ou prestes a dormir. Não tenho dificuldades em adormecer mas tenho recorrentemente sonhos vívidos e um sono gradualmente mais leve. Em bom rigor, não posso culpar exclusivamente o crescimento exponencial da quantidade de ondas eletromagnéticas circulantes, mercê do desenvolvime

Closure

Imagem
Closure Olá a todos, Há dois anos, quando me pediram para desenhar um ciclo de 12 workshops / showcooking para uma famigerada escola de saúde natural no Porto, com o mote de culinária curativa, concebi 12 temas que habitualmente são importantes para a saúde de todos nós. Dependendo do tema, uns faziam mais ressonância comigo do que outros. Mas eis que chegámos ao fim do ciclo! Estamos no último! O ciclo vai finalmente fechar e… perdoem-me a sinceridade mas só consigo estar bem quando obtenho conclusão. Então o tema que deixei para último é precisamente um dos meus favoritos: “Culinária para melhorar o desempenho mental e emocional”. Em contexto de consulta de naturopatia, os problemas que mais gosto de ajudar a resolver são precisamente os do foro mental e emocional. Diariamente chegam-me insónias, ansiedades, depressões… Raramente são recentes... Temos o hábito de nos deixar chicotear emocionalmente com recorrência. Por vezes somos nós próprios a nos infligir dor emocion

Vídeo promocional

Imagem
Olá a todos, Gostava de deixar convosco o primeiro vídeo promocional do blog Modus curandi. É minha intenção criar um espaço de partilha de experiências e conhecimentos para pessoas que sentem que precisam de uma visão alternativa do que podemos fazer com a VIDA. Irei postar regularmente receitas de culinária curativa, conselhos interessantes do ponto de vista da medicina natural e integrativa, dicas e truques energéticos ou apenas o meu atual estado de espírito... Step out of the box! Ricardo Novais